Olá!

Mais uma série encerrada! Com muita alegria - e uma pontinha de saudade - trago a resenha de A Coroa, último livro da série A Seleção, da Kiera Cass, uma série que, mesmo não tendo necessidade de continuação, pelo menos pra mim, foi um prazer acompanhar as histórias de América e Maxon e agora, Eadlyn, que terá que escolher seu noivo.
Resenhas anteriores: A Seleção | A Elite | A Escolha | A Herdeira
Contos grátis na Amazon: O Guarda | O Príncipe
Continuando imediatamente de onde parou o anterior, A Coroa mostra como Eadlyn está dividida. Agora ela tem sua própria Elite - pra quem não lembra, a Elite são os últimos cinco Selecionados - ao mesmo tempo que o povo não está contente ao vê-la como regente, devido a essa situação que abre o livro.

Aliás, desde que Eadlyn foi nomeada regente, tudo ficou mais difícil pra ela. O fardo é muito pesado, mas ela está bem diferente em relação ao livro anterior, onde a garota mimada e estúpida (e de Áries) amadureceu conforme as adversidades foram surgindo. E ela está com sentimentos confusos em relação aos Selecionados. Como ela viu o conto de fadas que foi a história de seus pais, ela também quer um, mas não desse jeito...

Mas, pra piorar mais um pouco, alguns Selecionados revelam segredos impressionantes, ao passo que um certo Marid Illéa brota na trama, deixando a regente cada vez mais confusa. O povo não se sente representado por Eadlyn, e ela não sabe mais o que fazer pra alegrar seus súditos.
Bem, não posso contar mais que isso porque seriam vários spoilers ao longo do texto, mas posso afirmar que, mais uma vez, Kiera finalizou esse livro com maestria. Vi várias resenhas reclamando da Eadlyn, que era mimada e etc, mas eu a entendi completamente, ela é rica, como eu disse na resenha d'A Herdeira, então não podemos esperar outras ações dela. Porém, neste volume, ela está muito mudada, mais consciente de seus atos, ainda mais depois que se tornou regente.

E essa grande mudança em Eadlyn se deve principalmente, aos Selecionados. Cada um, com seu jeito de ser, a conquistou. E a fez enxergar além de seu próprio umbigo. A família Schreave continua unida, mesmo depois de Ahren, gêmeo da princesa, ter feito uma loucura...

Também tem um pouco de política no livro, o que nos faz refletir sobre nossa própria política. Será que, no caso de Illéa, a monarquia absoluta é a melhor solução para o povo? Que tal trocar para uma monarquia constitucional? E radicalizar de vez instituindo uma república? As castas de Illéa foram extintas ainda sob o jugo de Maxon, mas o preconceito é latente, quem era das castas mais altas (Um a Três) não quer se misturar com a galera de Quatro pra baixo (interessante, não?).
Alô, Brasília!
Ainda falando de política, em uma passagem do livro, Eadlyn convida alguns moradores de Illéa, para ouvi-las (ideia de Marid), mas tudo acabou em confusão, isso porque todos queriam ser ouvidos, mas ninguém se ouvia. Até que alguém propôs eleições. Será que eleições (ou plebiscitos) são mesmo uma boa solução, seja em Illéa ou no Brasil? Aliás, lendo essa passagem, me lembrei de um plebiscito que foi feito aqui no país em 1993, quando perguntaram ao povo se queriam a restauração da Monarquia, Parlamentarismo ou Presidencialismo. Pra mim, esse plebiscito foi uma das duas vezes que o Brasil votou certo...

A outra vez que o Brasil votou certo foi... (não podia perder essa piada, rs)
Como eu já disse que sou fã dessa série, então nem preciso dizer que foi uma leitura bem gostosa, fluída, enfim, o jeito Kiera Cass de escrever young adults (acho que essa série é de YA). Mesmo com a parte política da coisa, o livro tem um final muito lindo - e surpreendente até. Inclusive, quando a trama deu a reviravolta, eu fiquei com o coração na mão, temendo que Eady fizesse a escolha errada - porque eu já tava entrando no livro pra socá-la!

No mais, a edição da Seguinte está muito bonita, pena que a modelo usada pra foto de capa estava doente. O excesso de branco da pele nesse fundo rosa não ficou nada legal - a capa d'A Herdeira, pra mim, é a mais bonita disparada - em contrapartida, não localizei erros de nenhuma ordem e a fonte confortável me permitiu uma boa leitura, mesmo estando de lentes de contato, rs.

Uma última informação: antes de lerem esse volume, recomendo pesquisar os tipos de monarquia, rs.

20 Comentários

  1. Olá, esse livro está na minha lista há um tempão.
    Adorei sua resenha muito bem detalhada.
    Já estou seguindo seu blog, poderia seguir o meu?
    Bjus.

    ResponderExcluir
  2. Toda vez que vejo resenha dessa série fico me sentindo uma estranha no mundo, kkkk, por que eu nunca li, e nem tenho vontade, não sei por que kkkk
    Mas sei que deve ser muito bom por que todo mundo sempre gosta...

    ResponderExcluir
  3. Oi, Kami!!

    Adorei relembrar um pouquinho da série com sua resenha. Eu li todos e também tive algumas reclamações acerca da Eadlyn, mas a gente percebe o quanto houve mesmo uma transformação nela. Particularmente, entendi o lado dela, sua personalidade e tal. E vê-la crescer foi um acompanhamento empolgante! Beijos,

    www.estranhoscomoeu.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, eu já tive muita vontade de ler a trilogia Seleção, mas depois que de trilogia virou série e toda hora tem livro novo, fiquei bem desanimada. Mas aí li um livro único da autora e fiquei maravilhada com a escrita da Kiera e agora a vontade de conhecer a série pela qual ela ficou famosa, voltou.
    Amei sua resenha e não sei se tem spoilers, mas aumentou minha curiosidade quanto ao universo que a autora criou.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Nunca li essa triologia. Um pouco de preconceito e também por conta de estar muito dedicada a literatura nacional. Mas vejo falar super bem e sempre fico com aquela sensação de que estou perdendo algo!

    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?

    Eu li os três primeiros livros, mas por ver muita gente falar mal das sequências, acabei deixando de lado. Mas lendo sua resenha agora, fiquei curiosa e acho que vou ler em breve. E boa dica sobre procurar os vários tipos de monarquia.

    Beijos
    Laneh Martins
    http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Kamila
    Super divertida sua resenha rs
    Confesso que não li a série e ainda vou demorar para ler, mas ela sem dúvida, levanta algumas questões também.
    Eu não entendi bem a piada das loiras do tchan, fiquei curiosa hahaha Me conta! Por que a Sheila era mais loira que a Daniela, que tinha claramente o cabelo tingido hahah Foi por isso? rs

    Blog Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa cotação foi a final do concurso Loira do Tchan, em que a Sheila ganhou rs

      Excluir
  8. Oi linda,

    Eu abandonei essa série no segundo livro(finalizado), porque não aguentava mais esse drama entre o casal principal e tenho um sério problema com realeza e nobreza, porque acho esse tipo sistema uma chatice sem fim. Porém é uma ótima série para quem gosta de disputas de poder e amor.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá
    Aí que sensação de dever cumprido, né? Pelo menos eu sinto quando termino uma série.
    Acabei não me interessando muito nessa em especial, mas tenho uma amiga que adora, vou passar sua resenha para ela.

    ResponderExcluir
  10. Olá, eu comecei essa série já pela duologia final. Também compreendi a protagonista , ela era o que foi criada para ser, e gostei bastante desse desfecho. Também fiquei aflita temendo que a personagem fizesse as escolhas erradas. Não sei se você já leu, mas tem um conto que se passa algum tempo depois do final desse livro, recomendo a leitura, acho que tem no site Jornal Oficial de Ilea.

    ResponderExcluir
  11. Nunca li A Seleção, mas sempre escuto falar, é um livro que muita gente que eu conheço gosta. Passo a dica ^^

    ResponderExcluir
  12. Oi, Kami!
    Eu tô tipo há muito tempo querendo ler essa série, de começo fiquei um tanto receosa, mas depois de várias resenhas, percebi que ia gostar. Aliás, fiquei bem feliz de ver que a Eadlyn amadureceu, vi várias pessoas falando mal dela e isso me desanimou um pouco.

    ResponderExcluir
  13. Uma trilogia que se estendeu hahahaha. Meu problema com essa série é que as pessoas só falam da parte do romance, então para mim parece um livro de romance. Vez ou outra dizem que é uma distopia, mas eu fico confusa... Achei interessante dessa vez a autora falar um pouco de política e fugir da questão da escolha em si, mas ainda não sinto vontade de ler :/

    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Ka, tudo bem???
    Menina, confesso que não consegui seguir em frente nesta série... ainda tento entender porque, li os dois primeiros livros e demorei tanto para ler o terceiro, que terminei desistindo, aliás peguei tanto spoiler que já sei de todos os acontecimentos haha... Que bom a série finalizou de uma forma boa para ti... Xero!

    ResponderExcluir
  15. OIii!

    Blé para essa série!!! Gostei dos três primeiros e acho que a autora poderia ter parado lá! Mas fico feliz que vc goste dessa série.
    Não pretendo ler tão cedo hahah

    Beijnhos

    ResponderExcluir
  16. Olá Kamila,
    Já li esse livro. Aliás, li a série toda em uma semana e gostei muito.
    A única coisa que não me agradou foi o final, achei que foi tudo muito corrido e que a autora poderia ter trabalhado as coisas melhor.
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi!!
    É tão bom quando a gente consegue terminar uma série, ainda mais quando é uma que a gente adora, o único ponto negativo é ter que se despedir dos personagens.
    Eu nunca li essa série, sempre leio comentários positivos e alguns negativos, mas não sei dizer o porque de nunca ter me interessado.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  18. Olá! Ótima resenha, já ouvi falar muito da Kiera Cass, conhecia essa série mas nunca me dei oportunidade em ler. Acho que quando aliviar minha lista de lidos, vou dar uma chance pra essa série. Adorei seu post, foi muito criativo.

    ResponderExcluir
  19. Oi Kamis,
    Nunca li a série, talvez por ter virado febre muito rápido eu tenha perdido a curiosidade, mas hoje em dia com um pouco menos de fama as vezes me pego com vontade de ler, mas com certeza teria que esperar kkkkkkkkkk, tem muita coisa aqui parada.
    É bom saber que a autora deu continuidade à família e não perdeu o ritmo do enredo.

    Beijokas

    ResponderExcluir

Olá!!

Fortaleça este humilde blog, deixe seu comentário e seu link para eu retribuir sua visita!

Se quiser, entre em contato através do email resenhaeoutrascoisas@gmail.com :)