Olá!

Mais uma vez, Nora Roberts aqui no blog! E como ela me surpreende, dessa vez com um suspense! Cada vez menos me acostumo com sua escrita, porque ela sempre está trazendo algo novo. O resenhado de hoje é A Pousada do Fim do Rio, que, esse sim deveria virar filme/série, porque te faz perder o fôlego, o tempo passa e você piscou e o livro acabou.

Skoob | Saraiva | Nora Roberts Brasil

A Pousada no Fim do Rio tem quatro partes e a primeira começa com o assassino da atriz Julie MacBride. Ela era casada com o ator Sam Tanner e viviam em Los Angeles. À época do crime, eles faziam muito sucesso, então, esse crime abalou Hollywood. Eles tinham uma filha, Olivia, "Livvy", que tinha apenas 4 anos. Julie foi assassinada por Sam, retalhada com uma tesoura. Sam estava sob efeito de drogas, o que facilitou bastante sua condenação.

O policial que cuidou do caso era Frank Brady. Foi ele quem encontrou Livvy dentro do closet no quarto, depois que a menina viu a mãe morta e o pai com a tesoura na mão, fugindo para salvar a própria vida. O caso foi de grande repercussão na mídia e na Justiça. Olivia foi criada pelos avós Rob e Val, longe de Los Angeles, em Washington, sempre cuidada também pela tia Jamie (que era gêmea de Julie). Jamie era casada com David Melbourne, um empresário do ramo da música.

Do outro lado, Noah Brady, filho de Frank, tinha só 10 anos e ficara impressionado com a repercussão do caso, ao ver seu pai investigando o caso e também ao ver uma imagem de Olivia, assustada, na porta de casa, que estava forrada de jornalistas.

Na segunda parte, Olivia tem 12 anos e descobriu sobre o seu passado, que estava escondido em recortes de jornais e revistas da época do crime. Ela decide entrar em contato com Frank Brady, para esclarecer alguns detalhes. Quando os Brady chegam à pousada, Olivia se impressionou com Noah, agora um jovem a caminho da universidade. Olivia ainda conversou com Jamie sobre o dia do crime antes de falar com Frank, Logo de cara, pinta um clima entre Noah e Livvy, mas que logo se dissipa, assim que os Brady vão embora.

Na terceira parte, agora é a vez de Livvy (que agora é apenas Liv) estar na faculdade. Ela trabalha como guia na pousada e está terminando sua graduação. Noah é um jovem jornalista que trabalha em uma redação, mas gosta mesmo é de escrever livros. Sobre assassinos. Ele tem a ideia de escrever um livro sobre o caso de Julie MacBride e resolve falar com Liv. Mas ele faz da forma errada: primeiro sai com ela e depois tenta contar. Um mal entendido faz os dois brigarem.

Por fim, na quarta e última parte, Liv tem 24 anos e Noah tem 30. Ela é guia na Pousada do Fim do Rio, que é uma das mais conhecidas do estado, além de conhecer como poucos as florestas Olympic. Ele é um autor best-seller, escreve sobre assassinos. Sam Tanner está com um tumor no cérebro, tem meses de vida. Finalmente saiu da cadeia (de condicional, porque tinha pego prisão perpétua) e resolveu falar com Noah. Queria que sua história fosse contada. E é esse livro que fará com que Noah e Liv se reencontrem depois de seis anos. Uma história com várias histórias dentro, formando uma trama intrínseca e surpreendente.



Que história! Nora Roberts mais uma vez me surpreendeu! Depois de chorar, me emocionar e amar com a série do Quarteto de Noivas, ela me apresenta um livro que dificilmente eu associaria a ela. Tem todas as pitadas de um clássico: suspense, drama, romance e umas partes engraçadas também.

Noah Brady é o típico homem perfeito, que faz de tudo para proteger sua amada, inclusive briga com ela. Ele é um jornalista que gostava mesmo era de escrever. E foi isso que escolheu para si: escrever sobre assassinos. Mesmo amando Olivia, ele viveu sua vida, se envolveu com outra mulher, tudo isso porque fez Liv achar que suas intenções eram diferentes - e eram, mas esqueceu de avisar para ela. O caso Julie MacBride faz parte de sua vida desde seus 10 anos, já que seu pai era policial naquela época.

Olivia "Livvy/Liv" MacBride cresceu praticamente isolada. Depois do crime, ela foi morar com os avós em outro estado, numa pousada. Não foi à escola, não teve amigos, sempre viveu com medo e guardou em um canto toda sua vida até o dia do crime. Para ela, as pessoas tinham que viver distantes, ela não conseguia se ver fora da pousada, era tudo para ela. Seu primeiro amor foi Noah, lá longe, quando tinha apenas 12 anos, mas sabia que não podia. Mas com o passar do tempo, o sentimento só cresceu.

Como você viu, a resenha é grande porque o livro é grande. São 529 páginas divididas em 36 capítulos. É escrito em terceira pessoa, revezando os pontos de vista de Liv e Noah (não à toa tem quatro partes, rs). Em cada parte, há uma passagem de tempo, ao todo, se passam 20 anos, com intervalos de seis anos entre os encontros do casal. (precisei fazer as contas, rs)

O livro só vai ter romance mesmo nas partes finais, até então, o suspense predomina. É uma faceta da Nora que eu não conhecia, pra mim ela só escrevia romance de época, de banca e de casamento, rs. Quando fui a biblioteca, fiquei entre pegar emprestado esse ou o Simplesmente Acontece. Mas como eu vi o filme, acabei pegando o da Nora. Melhor escolha. Uma história que te prende do começo ao fim, sem pontas soltas, com uma baita reviravolta nas páginas finais.

Aliás, por ser um livro mais longo, com várias passagens de tempo, acredito que daria uma boa minissérie. Não que eu goste de ver livros virando filmes/séries, mas tem uns que são tão bem escritos que merecem sim ir às telas. Além dos personagens principais, vale a pena prestar atenção em Caryn, Mike e Celia (respectivamente ex-namorada, amigo e mãe de Noah). Pessoas que têm papeis importantes na história.

Então sim, vale muito a pena conhecer o lado suspense da Nora, que só pra variar, escreveu um livro maravilhoso. O que peca é a revisão da Bertrand Brasil, algumas vezes durante a leitura peguei erros de revisão. O mais grave foi em relação ao nome da pousada. No original, é River's End. Aqui traduziram como "Pousada do Fim do Mundo", mas encontrei "River's End", em inglês mesmo. Mas isso (e as folhas brancas, cortesia dos livros mais antigos da editora) não tiram o brilho da história.

Portanto, leiam esse livro. Nora mais uma vez mostra seu talento em uma história que, provavelmente outro escritor se perderia, mas ela não. Ela deu seu toque e me fez devorar 529 páginas - se eu tivesse tempo, seria em tempo recorde. Apenas leiam!


23 Comentários

  1. Oii!!

    A Nora é maravilhosa!! Tem mais 200 livros lançados e todos de uma forma diferente e especifica.
    Gostei de saber que é possivel se aventurar e apostar em uma obra mais "adulta" da autora.
    Não vou ler no momento, mas obvio que vou querer conferir!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Tô bem surpresa com esse livro, ele tem um certo romance policial, não consigo imaginar Norah escrevendo algo assim ♥
    Fiquei bem curiosa em ler.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  3. Olha apesar de você falar para lermos o livro tenho que confessar que a Nora não me enche os olhos, eu tenho livros dela mas não fluiu para mim, mas quem sabe eu de uma chance a esse para ver, gostei muito da resenha.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Ainda não tive a oportunidade de ler nada da autora, tenho muita curiosidade e estava a procura de um livro para começar, gostei muito do que você você contou, gosto muito de suspense policial, acho que é um bom livro para mim.
    Beijos

    www.poyozodance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oie

    A Nora é demais! No começo eu também achei que ela tinha só o estilo romance de época e de banca. Mas depois que li um de suspense dele amei e já experimentei outros. Uma ótima escritora.
    Esse ainda não li, mas adorei sua resenha e claro que quero ler. Realmente a gente devora as páginas.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Sou apaixonada pela escrita da Nora mas esse livro parece ser muito diferente dos romances que eu li dela até hoje, a começar pelo lado policial. Com certeza é uma leitura que farei em breve e que vou gostar muito, acho que com essa sua resenha, não tem como não gostar do livro.

    ResponderExcluir
  7. Oi, Kamila! Tudo bem?
    Eu nem acredito que nunca li Nora Roberts kkkkk Durante a sua resenha mesmo me veio à cabeça o Simplesmente Acontece hsuahs A Nora tem uma pegada tipo Nicholas Sparks? Me pareceu um pouco, mas não sei né rsrs Ótima resenha! Bjs,

    www.estranhoscomoeu.com

    ResponderExcluir
  8. Adorei a resenha! A autora soube juntar tudo para escrever uma bela obra
    Beijos!

    EsmaltadasdaPatyDomingues

    ResponderExcluir
  9. Oi, Kamila!
    Eu não conhecia esse livro e nem esse lado da Nora. O que me assustou foi a quantidade de páginas.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  10. Oii Kamila, Se tem uma coisa que eu gosto nessa mulher é a versatilidade da escrita dela, ela arrasa demais e romance, fantasia, drama e agora até suspense?!
    Fiquei morrendo de vontade de ler essa nova Face que ainda não conheço!
    Adorei a resenha, pena ter tido alguns erros de revisão, tomara que próximos livros dela não tenham.
    Beijocas!

    ResponderExcluir
  11. Ooi! Eu não conhecia o livro, mas já li várias resenhas desses outros livros que você citou, de noivas ^-^ não sei se a leitura fluiria com esse suspense, mas ótima resenha :D
    Beeijos

    ResponderExcluir
  12. Nora é uma Diva!

    Ela passeia dentre os gêneros, tem livros de romances contemporâneos aos de época, de banca, tem livros de fantasia e suspense, ela é demais!

    Se você gostar de fantasia urbana, a Nora tem a trilogia do Circulo.

    Eu não conhecia este livro da Nora que vc resenhou e já coloquei ele na minha listinha de desejados. Já quero, de verdade!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  13. Ei, Kam!
    Eu cheguei a ler um livro policial futurista (ou era uma ficção científica policial) da Nora (coleção Mortal) e não gostei muito não, apenas por ela ter sido meio óbvia nesse livro que li. Essa obviedade em livros policiais e de suspense estragam minha leitura, tanto que nem fui atrás do restante da coleção. Romances de época, estou evitando. Esse tem uma história bacana, um mistério intrigante, apesar de tantas passagens de tempo, mas ainda assim tenho um certo receio... Posso acabar tentando mais pra frente! Mesmo assim, obrigada pela indicação!

    ResponderExcluir
  14. Oiii Kamila, tudo bem?
    Realmente você me deixou babando aqui diante dessa obra resenhada acima :o Nunca li nenhum livro da Nora, mas em certos momentos acabei desistindo achando que seria apenas um romance barato. Mas, agora cm a sua resenha gostei dos mistérios que envolve a trama! Anotei a dica.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  15. Oi Kamilla!
    Eu amo Nora Roberts! Justamente por esse dom dela em ser um camaleão na literatura, ela vai da banca ao policial sem perder o talento. Eu que não gosto de suspense adoro os dela, especialmente os escritos sobre pseudônimo de J. D. Rob.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  16. Ola Kamila lindona eu amo a escrita da Nora é surpreendente ver como ela escreve bem em vários gêneros sempre agregando um elemento a mais, eu sou fã da autora, amei a premissa desse livro com romance, suspense e cenas regadas a bom humor, ainda não li esse livro com certeza irei ler. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  17. Oi!!
    Eu conheci a Nora Roberts através da série Mortal, amo essa série e agora comecei a ler outras trilogias dela e estou amando.
    Eu não conhecia esse livro, mas já quero ler, amo esses mistérios que envolvem assassinato, suspense e romance, pelo visto a leitura é maravilhosa.
    A cada livro que leio dessa autora eu me pergunto da onde sai tanta criatividade para construir personagens tão cativantes e perfeitos.
    Com certeza já ta na minha lista de leitura.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  18. Oi!!
    Eu conheci a Nora Roberts através da série Mortal, amo essa série e agora comecei a ler outras trilogias dela e estou amando.
    Eu não conhecia esse livro, mas já quero ler, amo esses mistérios que envolvem assassinato, suspense e romance, pelo visto a leitura é maravilhosa.
    A cada livro que leio dessa autora eu me pergunto da onde sai tanta criatividade para construir personagens tão cativantes e perfeitos.
    Com certeza já ta na minha lista de leitura.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  19. Oi
    Tudo bom?
    Nora é diva né? Como não se apaixonar...
    Cada livro dela é uma surpresa!
    Ainda não li esse, mas já está na lista!
    Adorei sua resenha
    Bjos

    ResponderExcluir
  20. Olá, ainda não consegui ler nada da autora, sempre vejo ótimas recomendações e estou ansiosa para começar uma leitura. Adorei a resenha, mas acho que para dar início preferiria algo diferente de romance.

    Abraços

    ResponderExcluir
  21. Olá Kamila!!!
    Eu amo a escrita da Nora, acho os livros dela excelente. O primeiro livro que li dela foi "A Cruz de Morrigan" e me apaixonei pelo enredo.
    Adorei esse livro, pois não conhecia esse lado da autora :3
    Já está na minha lista de leitura rsrsrs
    E com certeza pelo que vi dar pra virar realmente uma série, acho que filme teria que ser dividido em quatro pra não perder nada :)

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Eu ainda não cheguei a ler algo da autora, mas sei que seu gênero predominante é romance. Adorei essas passagens de tempo da história e como os personagens se entrelaçam, me lembrou um pouco os livros da Lucinda Riley, que eu adoro. Fiquei bem curiosa com o livro e com certeza vou dar uma chance a leitura. Adorei a sua resenha.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura || Participe do top comentarista de maio

    ResponderExcluir
  23. Tem bastante história nessa obra, pelo que vejo. Quatro partes? E com cada uma bastante distinta da outra... Estou gostando de ver os personagens escritores nos livros, é tão fofo isso.

    Achei interessante também mostrar que segredos podem complicar e muito os relacionamentos.

    ResponderExcluir

Olá!!

Fortaleça este humilde blog, deixe seu comentário e seu link para eu retribuir sua visita!

Se quiser, entre em contato através do email resenhaeoutrascoisas@gmail.com :)