Olá!

Hoje é dia de mais uma resenha do projeto Vida Literária, em parceria com as meninas dos blogs O Outro Lado da Raposa e Entre Chocolates e Músicas. Pra quem já esqueceu do projeto, é só clicar aqui, ler o post até o final e refrescar a memória.

O resenhado de hoje, por incrível que pareça, é um livro que não me encantou. Diferente da badalação que a blogosfera dedicou a ele, achei maçante e irritante demais. Eu escolhi para ler A Rainha Vermelha e me decepcionei.



Em A Rainha Vermelha, temos mais uma distopia: dessa vez, o mundo é dividido entre vermelhos (povão oprimido) e prateados (opressores muito poderosos). Eles vivem em constante guerra, o que é inacreditável, partindo da premissa de que os prateados possuem poderes especiais, que podem dominar os vermelhos com um estalar de dedos, mas tudo bem.

Na província de Norta, nossa protagonista Mare Barrow é uma trombadinha. Ela rouba para ajudar a família. Ela está para completar 18 anos e, como não possui emprego, vai para o exército lutar na guerra. Seus três irmãos mais velhos foram. A única que tem emprego na família é sua irmã menor Gisa, que é costureira. Enfim, a família é bem humilde. E ainda tem Kilorn, seu melhor amigo, que é trombadinha como ela, mas porque perdeu o pai na guerra e a mãe o abandonou. Está com dois pés e meio no exército.

Por questões do momento, Mare conhece Cal, que a ajuda com esmola. Mal sabe ela que sua vida sofrerá uma revira-volta... A jovem acaba indo parar no Palácio real, como criada da realeza prateada. Ela mal chegou no castelo e já presenciou uma batalha para saber quem se casaria com os príncipes - o rei possui dois filhos. E foi aí que seu segredo - que nem ela sabia - foi descoberto.

Sério, que livro chato! Não só pela Mare, mas por toda a opressão que a trama mostra. Todo mundo trai todo mundo, você não sabe em quem confiar. E tem a Evangeline, pedra no sapato de Mare. Essa era a segunda pior. Já li distopias em que o povo era separado por castas (A Seleção) e que o povo era controlado pela mente (Reiniciados) mas esse livro é uma brisa total.

A começar pelo sistema entre os prateados. Todos eles são distribuídos por Casas. Por exemplo, Evangeline faz parte da Casa Samos (Samos é seu sobrenome). Essa casa possui uma determinada cor e eles possuem determinados poderes. Se fosse só duas ou três casas, ok, mas não, são várias, você se perde tentando saber quem é quem. A autora poderia deixar a história mais enxuta se não tivessem tantas Casas.

Diferente de mim, a Raíssa, do O Outro Lado da Raposa amou a história: "Esse livro é recheado de acontecimentos eletrizantes e sanguinários. Comecei a ler e, de repente, me vi presa à narrativa de tal forma que não conseguia mais parar. Fiquei umas três noites indo dormir às duas ou três da manhã (isso em dia da semana hahaha) porque precisava loucamente saber o que aconteceria a seguir."

Tudo bem que, em uma distopia, os oprimidos são castigados, mas aqui, gente, os castigos são mil vezes pior. Tipo, uma prateada manipula o aço, como facas e garfos, outro mexe com a água e pode afogar uma pessoa. Uma terceira consegue entrar na mente alheia e assim por diante. Sem falar que eles vivem em guerra - os prateados contra sabe-se Deus quem, já que os vermelhos são obrigados a ir para as linhas de batalha. Isso, eu juro que não entendi.

(Por força maior, dessa vez, a Ani não pôde deixar seu quote. Mas a resenha dela sairá em breve.)

Um certo alguém balança o coração de Mare, mas ela não se envolve com ninguém, até que ela bem madura pra sua idade (o que a opressão não faz...). Queria dizer também que ela - assim como eu - tem três pares de furos na orelha. Cada furo (com seu respectivo brinco, óbvio) representa um irmão.

O livro acaba em um ponto crucial - e é por isso que terei que comprar o segundo volume, para saber como se desenvolverá, vai ver é até menos chato. Apesar da história não ser lá essa maravilha, a Seguinte está de parabéns pela capa e revisão. Encontrei um erro (inadmissível) em todo o livro, e na capa de trás ainda vem um marcador, é só destacar e usar!

Pra encerrar, enquanto "Glass Sword" não sai, tem um conto dessa distopia disponível lá na Amazon, é o Canto da Rainha e o melhor, está de graça! Clique aqui e faça o download!

Postagem participante do:










44 Comentários

  1. tenho lido muitas resenhas deste livro e confesso que inicialmente tinha uma outra visão dele que de cara me fez repudiá-lo... só que agora eu quero muito lê-lo, não só pelos seus elogios, mas também porque percebi que a trama tem um poder de evolução e conquista muito forte!
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Acho que você não entendeu a guerra, ela é uma cidade contra a outra e não vermelhos contra prateados.
    Ao contrário de você eu amei a estória. Não gosto muito quando a personagem principal é uma mocinha indefesa, que se deixa ser arrastada pra lá e pra cá, como na maioria dos livros.
    Por isso gostei tanto desse. Porque Mare é diferente do habitual.
    Achei a coisa dos poderes legal, é um atributo diferente do livro. Pelo menos a autora teve a iniciativa de colocar um ponto a mais na distopia.
    Mas nossos gostos são muito diferentes e dificilmente gostamos da mesma coisa. Isso porque esse livro foi você mesma que indicou!

    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  3. Quando eu terminei A Rainha Vermelha fiquei: wow que livro bom! Mas depois fui pensar mais sobre e não achei lá grande coisa e o conto da "Canção da Rainha" achei a coisa mais sem sentido do universo!

    Beijão
    deiumjeito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi ...
    Esse livro está fazendo tanto sucesso !
    Ele está nos desejados , mas , não tenho tanta vontade assim de ler .
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oie.
    Leio muitas resenhas desse livro, ás vezes tenho vontade de ler o livro, outras não. Como não gosto de distopia e esse é um modelo clássico distópico, fico com o pé trás.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  6. realmente, falaram bastante deste livro pela blogosfera e a maioria das criticas eram bem positivas. Gostei da sua resenha porque você apontou o que te desagradou e as inconsistências que encontrou na trama. Acho importante argumentar isso. Distopia não me chama muito atenção, acho que este livro eu não leria!!!
    http://meuamorpeloslivros.blogspot.com.br/
    beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá! Nunca li esse livro. E te confesso que também não me encantei com ele. Já li várias resenhas positivas sobre ele, mas mesmo assim, não gostei da premissa. Beijos

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Estou ainda mais curiosa para ler A Rainha Vermelha, já li todo tipo de resenha, as boas e as ruins, e queria eu mesma tirar minhas conclusões, sabe? Irei sim, dar uma chance ao livro.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Olá linda,
    Diferente de muitos comentários por ai...a guerra é entre Prateados e Vermelhos sim. Cidades contra cidade em hipótese alguma, até porque descobrimos que os vermelhos também tem poder, mas desconhecem isso e parece os Prateados também não sabiam disso, então a guerra começa pela Mare...que para mim é uma idiota e altamente manipulável.

    Corajosa? Forte? Onde que aquela garota é desse jeito? Todo mundo mandava nela e ela sempre aceitava com a ingenuidade e cara de vítima dela.

    Foi o livro mais frustrante do ano para mim.

    Beijos!
    poesiaqueencantavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Obrigada pelo seu comentário. Como eu disse no texto, não entendi a motivação da guerra, mas é claro que ficou subentendido que era entre vermelhos e prateados. Fico feliz em saber que eu não fui a única a me frustrar com o livro :)

      Excluir
  10. Oiiie!
    Poxaaaaaa, jura que você não gostou tanto do livro? Estou louca para ler e também vi críticas maravilhosas sobre ele, mas agora não vou com tantas expectativas assim em relação a leitura!
    Beijos,
    Alê
    http://thebestwordsbr.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá, Kamila.
    Nossa a sua é a primeira resenha que vejo falando que o livro é chato. Todas que li até agora falaram bem dele ou se não falaram tão bem, abordaram outros pontos negativos. Mas ainda assim eu quero ler, adoro distopias e essa capa é perfeita.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Eu vejo muita badalação por esse livro, eu fiquei bem em duvida quanto a ele, sua resenha me fez pender para o lado de não ler.
    A capa é linda, não tem com negar.

    www.poyozodance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Ooi,
    Já li várias resenhas sobre ele mas acho que não lerei, não me despertou interesse assim.
    Vitória Zavattieri
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  14. Amiga até hoje eu ainda tenho um pouco de receio para fazer a leitura do livro, mas todos estão dizendo que a estória é incrivelmente maravilhosa e estou curiosa viu? Mas acho que vou esperar sair o segundo, porque odeio ficar ansiosa querendo saber o que vai acontecer. Sou daquelas que espera sabe? hahahaha...Mas também tenho que confessar que nem tenho lido muito meus livros de séries. Tenho vários aqui e ainda não os peguei por conta do tempo, mas espero gostar bastante desse livro, porque a sua resenha ficou espetacular sério! E olha que já li várias e sinceramente a sua me deixou bastante interessada. Só espero que o livro não me deixe com medo ou algo do tipo =x

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/10/reflexao-parte-1.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga como já comentei aqui vou deixar meu outro link ok?
      É lá do meu grupinho xD - http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/10/resenha-jardim-de-espelhos.html

      Excluir
  15. Oi Kamila, que pena que você não gostou tanto do livro, eu também sempre ouço falarem muito bem dele, mas é um livro que não chama minha atenção pra ler, acho que é porque é distopia e eu não curto muito o gênero.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  16. Já li algumas resenhas sobre esse livro, e todas positivas. Fiquei surpresa em saber que você não gostou tanto. Acho que agora terei que ler para tirar as minhas próprias conclusões! Beijos!
    http://leituras-compartilhadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Eu estou louca para ler esse livro, é uma pena que ele não tenha lhe agradado, mas vai que o segundo agrada. Gostei da sinceridade na resenha, espero ler em breve para formar uma opinião.
    Bjim!

    Tammy
    Livreando | Facebook

    ResponderExcluir
  18. Oi Kamila, tudo bem?

    Gosto sempre de ver diferentes opiniões a respeito do livro, e apesar da sua não ser muito favorável, eu ainda quero conferir a história. Adoro distopias, e achei interessante a divisão entre vermelhos e prateados. Não sabia dessa divisão das casas, mas acho que é algo que ao longo da história nos acostumamos. A Mare para mim parece ser uma personagem bem forte e corajosa.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  19. Menina, mesmo tu tendo "brigado" com o livro e dito na resenha que não gostou...estou muito curiosa para lê-lo!!!
    Minha colaboradora do blog leu e amou, ficou de ressaca e ainda nem fez a resenha....só fala bem dele! Não tem jeito, é uma questão de gosto mesmo!
    Eu amo distopias, são meu estilo preferido de leitura! Então provavelmente vou discordar contigo...depois venho te contar! A parte de manipular água, ferro, etc me lembrou um pouco Sombra e Ossos.. da Trilogia Grisha (que eu amooo)
    mesmo com tuas pontuações negativas, tua resenha está maravilhosa!!!! Adorei!!!

    abraços,

    Eu Pratico Livroterapia

    ResponderExcluir
  20. Oi tudo bom?
    POXA! Sou a única pessoa que realmente gostou desse livro? Nossa, eu devorei BEM devorado. Bom, quem sabe no segundo você consegue "gostar" mais

    Beijos

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem ?

    Kamila, vem cá me dar um abraço. Porque é muito difícil encontrar alguém que fale abertamente assim de um livro, ainda mais de "A Rainha Vermelha". Assim como você, também não achei o livro essa maravilha que todo mundo fala. Na verdade, ele parece a junção de todas as distopias já lançadas, como se a autora não soubesse o que fazer e simplesmente jogasse elementos que deram certo em outras sagas pensando "Ei, isso aqui é bom, as pessoas gostam". Faltou originalidade, ao meu ver. Esse cliffhanger no fim é o que faz o leitor comprar o segundo, que PRECISA ser melhor que o primeiro. Romance nonsense, universo mal construído, personagens clichês; essa é a verdade. Espero ver um desenvolvimento melhor na continuação.

    Fernanda Oliveira | Meraki

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Sinta-se abraçada! Obrigada pelo seu comentário. Fico feliz em não ser a única a ter uma visão negativa da trama. O jeito é aguardarmos o segundo, pra ver se é melhor. Eu, particularmente, duvido.

      Excluir
  22. Oi.

    A sua resenha é a primeiro negativa que eu vejo desse livro, todos estão adorando ele, principalmente pela capa, mas ainda não li ele para ter minha opinião.

    http://perdidoemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oi este livro esta em minhas metas a um bom tempo sou apaixonada por distopias ,mais ainda não tive a oportunidade de lê-lo , li resenhas ótimas a respeito dele é uma pena que não tenha gostado , mais foi legal saber sua opinião sobre ele , fiquei ainda mais curiosa , espero não me decepcionar...

    ResponderExcluir
  24. Olaáá
    A leitura parece ser muito legal e eu leria se tivesse oportunidade, mas não tenho taaanta vontade apesar dessa capa ser muito legal. Ótima resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. No inicio eu estava com receio de ler este livro e acabar não gostando, tanto que ele ainda ta na minha lista para comprar pois não tive coragem de ler ele nesse tempo kkkkk Sua resenha só aumentou minha vontade de ler ele.

    Bjs,
    Túlio.

    http://leitoresdivergentes1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Oie Kamila,
    Então as opiniões sobre esse livro são sempre muito contraditórias entre si e até agora não sei o que achar...
    Vejo uns elogiando muito e já li muitas resenhas como a sua, pontuando a confusão de informações ou até mesmo a falta dela em alguns casos.
    O caso é que terei eu mesma de ler para opinar bem e só farei isso quando sai a sequência porque não vou ficar morrendo de curiosidade entre um livro e outro.
    A resenha ficou muito bem escrita, parabéns :)

    Abraço e Bons Livros,
    Biblioteca do Coração❤

    ResponderExcluir
  27. Oi, Kamilla!
    Pena que você não gostou.
    Taaaaaaaaaaanta gente falando maravilhas.
    Eu, na verdade, nem sabia da sinopse.
    Mesmo você não tendo gostado, eu quero ler.
    Vou dar uma chance, sabe?
    E como amo distopias, vai que, né?

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  28. Oi Kamila, tudo bem?
    Menina, essa é a primeira resenha negativa que leio sobre esse livro e por isso vou diminuir minhas expectativas na hora de fazer essa leitura. É tão ruim quando a leitura se torna cansativa. Tenho o livro na estante faz tempo e espero ler em breve. Tomara que a leitura seja mais agradável para mim.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  29. Olá!
    Tenho lido muito que a Mare é uma personagem diferente e tenho vontade de ler.
    Como a Glaucia disse, essa foi a primeira resenha negativa que vi do livro e confesso que ela não tirou o brilho da história, quer dizer, o brilho da minha vontade de ler.
    É legal ver a diferença de ideias sobre um mesmo livro.
    Gostei da sua resenha e achei sua opinião muito válida.
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Kamila, assim que esse livro foi lançado eu fiquei louca para tê-lo.
    E a cada resenha eu fico mais dividida sobre ele porque muitos amam e muitos ficam frustradas como você.
    Mas ainda quero ter a oportunidade lê-lo.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  31. Acho que essa é a primeira resenha negativa que leio do livro e confesso que agora fiquei bem dividida entre ler ou não. Por ser distopia eu sempre fico assim, meio pilhada, pois são poucos que eu acabo gostando :)
    Gostei bastante da resenha e da sinceridade! :D
    Beijos

    ResponderExcluir
  32. Oi Linda
    Adorei A Rainha Vermelha es estou louca para ler a continuação.
    Obrigada pela dica do conto. Vou baixar com certeza.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  33. Kamila lindona menina preciso arrumar um tempo para ler esse livro urgente, adoro essa capa e são tantas resenhas com elogios sobre a escrita da autora, que não sei como ainda não li. Fico feliz em saber que gostou. esses finais nos deixam mortas de ansiedade néh rsss. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  34. Também já li livros super aclamados pelas blogueiras que não achei tão legal .-.
    Adorei a sua opinião sincera, Kamila! Beijos <3
    www.yankavaz.com.br

    ResponderExcluir
  35. Oi,
    Gosto muito de distopias mas comecei a ficar com medo do que andam fazendo por ai transformando tudo no mesmo. Acho que sim podemos ter historias maravilhosas porém acho que por se tratar de um gênero tão polemico os autores devem inovar mais. Gostei da sua resenha porém não sei se leria porque como disse parece uma mistura de tudo que já temos por ai.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  36. Oi Kamila!
    O alvoroço em cima desse livro tem sido enorme e, embora eu goste bastante de distopias e tenha até uma certa curiosidade em ler, ainda não me empolguei. Não sei bem o por que, mas acho que vou acabar me decepcionando. Gosto de tramas que sejam mais inovadoras, que saiam um pouco do lugar comum, sabe? Não que eu ache o enredo de A Rainha Vermelha pouco original, eu gostei da proposta. Mas ainda tenho meus pés atrás. Vou dar um tempo até lançarem a continuação, aí decido se lerei mesmo ou não.
    Parabéns pela resenha! Achei que vc soube falar bem do livro, apontou os pontos positivos e negativos. Ficou muito legal!
    Beijos
    Coisas de Meninas

    ResponderExcluir
  37. Oi, Kamila.
    É uma pena que você não tenha gostado do livro.
    Pelas resenhas que li parece uma história interessante.
    Vi comentários que se parece com Jogos Vorazes, Maze Runner, Divergente e Guerra dos Tronos.
    Não li esses livros, mas assisti aos filmes e ao seriado.
    Se é nesse mesmo estilo, acredito que me agradaria a leitura.
    Essas distopias estão em alta.
    A personagem me cativou por sua determinação e personalidade forte.
    Está na lista de desejos (que está enorme).
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
  38. Oii que simplesmente tudo! haaha
    Deixa-me explicar!
    Adorei a sua sinceridade e a sua coragem de dizer a sua opinião assim...
    Eu confesso pra vc que estou morrendo de curiosidade de ler esse livro, mas so vou ler quando eu tiver o segundo em mãos. E só tive essa certeza agora com a sua resenha... odeio ficar morrendo por causa desses finais com gosto de quero mais.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  39. Oi Kamila!
    Jura que você achou o livro chato?
    Eu ainda não li, mas vi tanta resenha positiva por aí que imaginei que ele fosse M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O! Mas pelo jeito estou enganada, né? Agora fiquei até com receio da leitura, rsrs

    B-jusssss!
    http://www.quemlesabeporque.com/

    ResponderExcluir
  40. Então eu vi realmente a blogosfera secajoelhando pra esse livro, ainda bem quentão me rendi.
    Concordo com o qu você fala, a proposta da autora é um alvo jovem e eu me senti lendo as crônicas de gelo e fogo pela sua resenha pela densidade do livro, com a diferença de que a rainha vermelha é chata... Hahaha

    Parabéns pela sinceridade, continue assim!
    Bjs
    Tay do Let It Shine

    ResponderExcluir
  41. Oi Kamilla!
    Então, só tenho lido comentários positivos sobre esse livro e fiquei louca para conferir a história, mas agora lendo a sua resenha super sincera, fiquei com o pé atrás. Quando há muita informação e a autora não desenvolve se torna uma leitura sem sentido, pelo menos pra mim. Agora estou em dúvida se compro ou não. haha.. Sua amiga blogueira gostou né, vocês me deixaram bem curiosa haha... acho que só no próximo ano irei conferir a história!

    Beijos
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir

Olá!!

Fortaleça este humilde blog, deixe seu comentário e seu link para eu retribuir sua visita!

Se quiser, entre em contato através do email resenhaeoutrascoisas@gmail.com :)