Olá!

Só agora estou pegando o gosto por romances históricos. E A Paixão de Tiradentes, escrito pela dupla Assunção-Boisson me foi uma grata surpresa, até porque tem uma pegada de suspense. Vem conferir a resenha.


SKOOB - Misturando ficção com fatos reais (amo), A Paixão de Tiradentes vai começar com o jovem Philippe irredutível em seu desejo de estudar no Brasil. Ele é francês e decide estudar geologia em nosso país, especificamente em Ouro Preto. Ele não pensa em desistir, mas quando sua mãe morre (não é spoiler porque isso acontece nas primeiras páginas), mais do que nunca ele quer vir - contra a vontade do pai, claro.

Mas, antes de morrer, a mãe de Philippe o presenteia com uma imagem barroca. Uma santa. E não é uma imagem qualquer, é uma escultura feita por ninguém mais e ninguém menos que Aleijadinho, creio eu que é o maior escultor que esse país já viu. O jovem acha o presente uma bela bosta, mas acaba aceitando só pra deixar a mãe feliz. E qual não foi a surpresa quando, ao deixar cair acidentalmente a imagem, a mesma se abre e revela algumas coisas dentro dela!

E essas coisas são alguns - vários - diamantes e uns manuscritos escritos por Teresa de Carvalho, viúva de ninguém mais e ninguém menos que Tiradentes! Um dos primeiros mártires deste país teve parte de sua história registrada por sua segunda esposa, e esses papeis chegaram às mãos de Philippe, que, estupefato, resolve fazer uma cópia para levar ao Brasil, para que ele pudesse estudar com Véronique, tia de sua mãe.

Em Ouro Preto, Philippe conhece a jovem Gabi, por quem acaba tendo uma quedinha, pois nunca vira garota tão simpática em sua vida. Ele também revê Véronique, que vai se debruçar no conteúdo encontrado na santa. Conforme vão lendo, vão descobrindo mais e mais sobre o que foi a Inconfidência Mineira. Só que Philippe e Véronique não são os únicos interessados, mais alguém quer muito os diamantes e os manuscritos também...
Recebido em parceria pontual com a Livraria Francesa, A Paixão de Tiradentes é romance histórico misturado com suspense. Muito melhor que muita aula de História que tive na vida, o livro vai contar, com pitadas de ficção, o que aconteceu nos idos de 1789, quando Tiradentes (na narrativa é chamado de Xavier) e mais uma galera, revoltada com a possibilidade de uma derrama*, pensou em fazer uma revolta, afim de evitar o pagamento do imposto abusivo - olha o povo se fud**** desde o século XVIII...

* Para entender o que é a derrama, primeiro você precisa saber o que é o quinto. O quinto é um imposto que os cidadãos pagavam para a Coroa para cada quilo de ouro encontrado no país. Ou seja, se você encontrasse um quilo de ouro na colônia, 20% ia para Lisboa - que, por sua vez, repassava à Inglaterra para pagar dívidas. Como nem todo mundo pagava o quinto em dia, a dívida ia acumulando. A derrama é, basicamente, o confisco de bens e ouro para atingir as 100 arrobas anuais (ou uma tonelada e meia) de ouro que os mineradores deveriam pagar referente ao quinto.

Só que a Coroa nunca cobrou a bendita derrama. E descobriu a Inconfidência. Todo mundo foi preso, inclusive o maior judas do Brasil, Joaquim Silvério dos Reis, mas só o Tiradentes foi condenado à morte. Silvério foi perdoado e os demais envolvidos pagaram com trabalho forçado na África até morrer. Teresa conta como isso aconteceu com uma impressionante riqueza de detalhes. Detalhes esses que só quem viu pode contar.

E mesmo sendo ficção, os autores - separados por quilômetros de distância; Marc é francês e mora na Cidade do México. Stefânia mora no Brasil - conseguiram escrever uma história muito bem feita, rica em detalhes reais, sem ficar chato ou cansativo. A Paixão de Tiradentes é narrada em terceira pessoa, mas em dois tempos diferentes: em 2017, em Paris e Ouro Preto; e no século XVIII, através dos escritos que Teresa deixou.

Publicado originalmente em 2013, atualmente só pode ser encontrado no site ou nas unidades da Livraria Francesa, em uma edição exclusiva da LF Publicações (editora da marca Livraria Francesa). De início parece ser uma leitura mais adulta, mas a escrita é fluida e de fácil compreensão, sendo acessível para todas as idades. Devorei esse livro em um dia, tamanha era minha vontade de saber quem matou a mãe de Philippe e também dos pormenores da Inconfidência Mineira. Edição bem feita, sem erros de nenhuma ordem. Só não gostei das folhas brancas, mas a editora compensou usando uma fonte tipográfica um pouco maior - o que não fez as letras ficarem "sambando" na minha cara.

Enfim, A Paixão de Tiradentes foi uma grata surpresa para mim, agradeço à Livraria Francesa, representada pelo Vladimir, que foi quem me cedeu o exemplar. Espero que a editora publique mais obras da dupla, caso haja, porque gostei bastante da temática, ainda mais por saber que tem um estrangeiro que escreve tão bem (e sem preconceitos) sobre nosso país e nossa cultura.


27 Comentários

  1. Olá, acho que não conhecia o livro, mas gostei bastante, pois se fala "suspense" já me agrada. Outro ponto muito positivo que me fez ter mais certeza de que quero ler, é a parte histórica, tem coisa melhor que ler e já aprender um pouquinho de história? Vou até recomendar para minha filha que está no ensino médio.
    Parabéns pela resenha!
    Bjos
    Vivi
    http://duaslivreiras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, Kamila!
    Como você, adoro romances históricos que misturam romance e realidade, e melhor ainda se trouxe uma olhar diferenciado sobre a história do Brasil, diferente daquela versão fantasiosa que a gente aprende na escola. Dica anotada
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Desse livro eu nunca ouvi falar, mas só de saber que é um romance historico eu ja estou dentro, querendo embarcar nessa aventura que parece ser fascinante. Primeira vez que li resenha sobre esse livro e devo confessar que me vi completamente encantada e com vontade ler ler a obra, apesar de parecer ser um livro com uma linguagem mais rebuscada eu quero ler esse livro em breve

    Bjos

    https://meafogando-emlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha e fiquei curiosa pra ler ������

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia o título e confesso que não me chamaria a atenção, mas ao ler sua resenha fiquei curiosa em ler essa história, vou procurar aqui.

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi tudo bem?
    Não conhecia a existência dessa obra e vou te confessar que fosse para eu comprar sem ter lido a sua resenha eu não compraria, mas por gostar um tanto de romances históricos e também sua resenha me deixou curiosa vou anotar a dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oiii Kamila tudo bem?
    Fiquei encantada pela sua resenha menina, ainda mais sobre Tiradentes que fez até certa revolução, todo esse fato de ele querer estudar no Brasil me deixou bem animada para ler em breve, além do mais que linda essa capa.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Heiii, tudo bem?
    Uau, como vc disse, relamente A Paixão de Tiradentes foi uma surpresa e tanto.
    Amo história, quase cursei na faculdade, mas ainda nao tinha visto uma indicação de romance assim e ainda mais com um suspense por trás.
    Achei muito interessante a premissa e adorei os pontos que ressaltou do livro.
    Amei a dica.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  9. Oiii!!

    Eu não tenho costume de ler esse tipo de obra, mas tenho certeza que me encantaria. Tudo isso pq gosto de saber que há um contexto histórico e é muito melhor aprender assim, né??
    Gostei da sua resenha e espero que leia mais obras do genero.

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu amo históricos, mas não conhecia essa obra. Acho que certamente me ganharia por trazer bastante da nossa história bem como me parece ser bem descrito em toda trama.
    Espero ler um dia!
    Adorei suas considerações!
    Dica anotada!
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  11. Nossa! Preciso ler! Não sou de ler históricos, mas esse me chamou a atenção! Obrigada pela dica! Amei sua resenha!
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  12. Adoro livros em que os autores misturam ficção com acontecimentos históricos! Eu não conhecia esse livro, mas fiquei bastante curiosa em conferir. Parece ser uma história bem envolvente, sua resenha está incrível e também fiquei curiosa para saber quem matou a mãe do Philippe. Obrigada pela dica, bjss!

    ResponderExcluir
  13. me parece ser uma boa historia,curti a ambientação em dois periodos e por ser em Ouro Preto,que morro de vontade de conhecer... nao é mto meu nicho de leituras mas se tiver chance, lerei...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  14. Olá amore,
    Ainda não li muita coisa de época, mas me interessei por esse, talvez pelo fato de misturar ficção, parece ser bem interessante, curiosa por aqui já.
    Vou deixar a dica anotada por aqui, mesmo não tendo curtido muito a capa, sua resenha me deixou um pouquinho curiosa!
    Beijokas!

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?

    Gosto muito desse tipo de livro, pois gosto muito de História. Ainda não conhecia esse e, apesar de gostar mais de outros períodos históricos nacionais, com certeza leria esse. Gosto muito das revoltas separatistas e percebo que muita pouca gente as conhece além da Inconfidência. Parabéns pela resenha e espero que leia mais livros do gênero! :)

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Eu gosto muito de livros que misturem ficção com realidade e o enredo desse me chamou atenção. Fiquei curiosa com a leitura e a obra me parece ser bem desenvolvida. Gostei de conhecer a sua opinião sobre o livro.

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem?
    Fiquei bastante curiosa com esse livro por ser um romance histórico nacional, nos temos uma história mt ricas mais infelizmente pouco explorada por nossos autores. Fiquei feliz em saber que a leitura é fluida e vou add na minha lista de desejados!!!
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?

    Já tinha ouvido falar desse livro, mas não sabia do que se tratava. Lendo sua resenha fiquei curiosa. Vou colocar na lista. Apesar de só ter lido um histórico [por enquanto], gosto do gênero.

    Beijos
    Laneh Martins

    ResponderExcluir
  19. Olá tudo bem?
    Adoro livros históricos, ainda mais quando tem cenários de guerra como a Inconfidência Mineira. Acho que seria uam leitura interessante para aprimorar ainda mais os nossos conhecimentos. Vou adicionar a listinha.

    beijinhos!

    ResponderExcluir
  20. Olá, gostei da resenha, me chamou bastante a minha atenção, Gosto de livros históricos.

    ResponderExcluir
  21. Não conhecia o livro, mas também não me interessei... Tá pra nascer alguém que tenha menos interesse em história do que eu, e como me parece que isso é algo bem presente no livro prefiro não ler. Não é à toa que meu gênero preferido é fantasia, gosto de leituras que me afastem da realidade. Mas que bom que você gostou e quer ler mais obras dos autores!

    ResponderExcluir
  22. Olá Kamila,
    Ainda não conhecia esse livro, mas sua resenha me deixou muito curiosa para conhecer, pois gosto de livros históricos. Achei muito legal essas histórias como são escritas, com tanta distância entre um e outro.
    Dica anotada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Oi, Kamila.
    Eu nunca fui muito fã de História, mas confesso que achei esse livro muito interessante. Não conhecia e achei muito legal. Adorei a resenha também. Parabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
  24. Olá! Que interessante! Eu sou fã de romances históricos, mas confesso que nunca li nenhum sobre história do Brasil. Acho que esse livro é uma boa oportunidade.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  25. Oi Ka, tudo bem???
    Nossa adorei a premissa deste livro. Sempre gostei da história de Tiradentes e uma história escrita com pitadas de ficção, foi de encher os olhos... gostei muito de seu relato sobre a história e ter uma noção do que esperar dela... geralmente não leio livros históricos, mas este sem dúvida, vai ficar na minha listinha de oportunidades. Xero!!

    ResponderExcluir
  26. Oi, tudo bem?
    Nunca li nenhum romance histórico com um toque de suspense assim e este livro me parece bem interessante, ms não leria no momento.
    Bjs

    ResponderExcluir
  27. Oi Kamila! Que ideia genial! Achei a premissa maravilhosa, muito legal ter pego um fato histórico e ter transformado em uma narração atual. Pelo que percebi vai ter bastante ação e mistério, vou anotar a dica aqui, beijos!

    ResponderExcluir

Olá!!

Fortaleça este humilde blog, deixe seu comentário e seu link para eu retribuir sua visita!

Se quiser, entre em contato através do email resenhaeoutrascoisas@gmail.com :)