Olá!

Como é de conhecimento público, amo romances policiais. E se eles vêm da Escandinávia (principalmente Suécia), melhor ainda. Nesta região, acho que o gelo é abençoado e por isso brota tanta história boa. E como todo bom livro, via de regra, vira filme ou série de TV, e, às vezes é a única ferramenta que temos para conhecer grandes histórias. Então, falemos de Wallander - versão da BBC.
Com 4 temporadas de três episódios cada (cada episódio equivale a um livro), a série vai contar a história do inspetor policial Kurt Wallander, que mora na simpática região de Ystad, na Suécia. Por mais que seja um lugar bucólico (e fofinho), lá ocorrem crimes macabros - que se tornam muito tensos quando olhamos o contexto atual do país (igualdade entre os sexos perto do ideal, IDH perto do 1, direitos trabalhistas sendo respeitados e assim por diante). É a função de Kurt desvendá-los.

Em paralelo às suas investigações, também podemos conferir um pouco da vida pessoal do inspetor: seu pai tem Alzheimer, sua ex pediu o divórcio, mas ele acha que pode salvar o casamento, a filha que volta-e-meia some e aparece... Enfim, problemas que qualquer ser humano possa vir a ter, o que torna a série mais palpável para o público.

Na Netflix está disponível a versão da BBC, que merece os parabéns por ter feito uma produção impecável, aproveitando ao máximo as paisagens locais. A primeira temporada foi ao ar em 2008 e a última, no ano passado. Mas as negociações datam de 2007, quando Kenneth Branagh se reuniu com Henning Mankell para discutir sobre a série. Mas é claro que, antes da BBC, a Suécia fizera sua versão da série, que foi ao ar entre 2005 e 2013.
Equipe de Kurt na primeira temporada. A partir da esquerda: Anne-Brit (Sarah Smart), Martinsson (Tom Hiddleston) e Lisa Holgersson (Sadie Shimmin)
Sobre as atuações, há muitas mudanças ao longo da temporada, então vou me ater somente à mais importante: a de Kenneth, que me conquistou com seu personagem logo nos primeiros minutos do primeiro episódio (porque sou assim com séries, tem que me conquistar de cara). Claro que todo mundo tem sua importância à série, porém muita gente entra-e-sai ao longo das temporadas, por isso prefiro falar só dele, mas aproveito e cito a brilhante Jeany Spark, como Linda Wallander, filha de Kurt.

Aproveitando o texto, falemos dos livros. A série escrita por Henning Mankell entre 1991 e 2009 tornou-se sucesso instantâneo. Claro que ele já era conhecido no país por seus diversos livros voltados para o público infantil, mas foi com Wallander que ele se consagrou como o maior escritor da Suécia (segundo os próprios suecos), superado somente por um tal de Stieg Larsson... Além de escritor, ele adorava teatro e, entre idas e vindas pela África, acabou fundando o Teatro Avenida, em Maputo, capital de Moçambique (será que ele falava português?).

Pelas minhas contas, são 11 livros sobre Kurt e mais um tendo Linda Wallander como protagonista. Aliás, sobre o livro de Linda, a ideia de Mankell era criar um spin-off de três volumes sobre a jovem que tinha acabado de se formar policial (será que acontece na série? deixo o questionamento pra vocês), porém, a atriz que interpretava Linda no seriado sueco cometeu suicídio, o que levou o autor a desistir da sequência (infelizmente perdi a fonte em que li esta notícia).
Um dia terei um lar só pra colocar uma placa com meu sobrenome, algo bem comum na Suécia. Foto: site Henning Mankell
Cada episódio da série dura uma hora e meia, e justamente por isso demorei tanto a terminar - poxa, estou acostumada séries com, no máximo, meia hora de duração cada um. Porém, cada vez mais me via envolvida na trama, tentando, ao lado de Kurt, resolver cada crime, cada questionamento proposto. Kenneth se entregou demais ao personagem, fazendo com que eu passasse a acreditar que ele era real. E quando o inspetor começou a esquecer algumas coisas, meu coração passou a doer um pouquinho, porque não queria que acabasse a série...

Não entendo muito de fotografia, mas filmaram a série de modo a deixar o ambiente todo nublado, ressaltando mais os tons sombrios e escuros e sempre focando Kurt solitário. Como se quisessem mostrar que ele é gente como a gente, tem seus medos e incertezas. Suas perspectivas não são as mais positivas, mas ele acaba se mostrando muito inteligente, mesmo expondo tão pouco de si. É só mais um homem em busca de justiça.

No Brasil, a Companhia das Letras detém (até segunda ordem, pelo menos) o direito exclusivo de publicar as obras de Mankell. De novo pelas minhas contas (sou de humanas, gente), a editora publicou oito, mas eu só consegui dois até o momento (A Quinta Mulher e Um Passo Atrás), mais adiante pretendo trazer as resenhas de ambos. Mesmo ainda não tendo lido, recomendo demais a série, e, como está na Netflix, vale a pena acompanhar.

Henning Mankell faleceu em 2015, na cidade sueca de Gotemburgo. Além de escritor, era diretor e dramaturgo. Foi casado com Eva Bergman, filha do lendário cineasta Ingmar Bergman. Apesar de seus vários livros, a série de Kurt Wallander é considerada sua obra-prima.


33 Comentários

  1. Olá, tudo bem? Que legal essa série, eu não conhecia. Não sou muito de assistir séries, mas minha mãe adora, inclusive é fã desse tema, certeza que ela vai gostar. Adorei o post!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  2. Já marquei na agenda, não sabia da existência dessa série :O

    Beijos,
    Gi Stellar

    ResponderExcluir
  3. Essa série está na minha lista, mas pelos episodios serem tão longos acabo sempre adiando. Fiquei mais afim de coloca-la na frente agora... Bjos

    ResponderExcluir
  4. Vou tentar assistir, com certeza. Fora que amo o Tom Hiddleston então é mais um motivo para querer assistir.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  5. Não fiquei me arrumando série, pelo amor de Deus!
    Pq agora vou se obrigada a dar uma olhada e se gostar do fo... rs

    ResponderExcluir
  6. Uau, que demais! Também amo séries policiais, ainda mais quando têm atores conhecidos haha. A história parece ser muito envolvente e me deixou curiosa, apesar da duração ser maior do que eu estou acostumada. Não conhecia essa série, mas já vou conferir com certeza. Obrigada pela dica, bjss!

    ResponderExcluir
  7. Olá!! :)

    Eu confesso que não conhecia esta seria ainda, mas fiquei bem curioso depois da tua opinião!! :) ahahah

    Bem, acho ótimo que que tenham havido personagens cativantes (ate desde o primeiro episodio). E que hajam esses tons sombrios, que ultimamente me tem acompanhado.

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Poxa que série bacana. Eu não conhecia, e já quero poder assistir.
    Adoro séries e filmes sobre o tema, não curto muito os livros desse gênero, mas as séries são sempre incríveis.
    Vou com toda certeza aproveitar a dica, e aproveitar que as muitas séries que assisto estão em hiatos, ou já finalizaram a temporada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi Kamila, acho que já comentei aqui que não tenho o costume de ver séries pelo netflix, talvez por isso não conhecia esta. Ela parece interessante, mas já acompanho um bom número e não conseguiria encaixar esta no momento.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  10. Oii, tudo bem? Não conhecia essa série mas parece ser muito boa, adoro a temática e amo séries da BBC. Vou adicionar a minha listinha da Netflix para ver depois <3
    Beijosss!

    Páginas Empoeiradas

    ResponderExcluir
  11. Eu não conhecia a série, mas já fiquei super curiosa para ver. Eu gosto bastante desse gênero e tenho quase certeza que a série vai me agradar. Amei a dica.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Não conhecia essa série e nem o autor. Fiquei bem curiosa pra assistir alguns episódios. Legal saber que as obras também estão por aqui no Brasil, é um gênero que eu curto bastante então acredito que vá gostar.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  13. Olá Kamila! Sempre trazendo ótimas dicas! Já estou com Ebook de Um Passo Atrás, fiquei tão curiosa para conhecer a história que não aguentei e fui atrás! Curto bastante o gênero, também fiquei curiosa para assistir a série. Obrigada pela dica, beijos!

    ResponderExcluir
  14. Ooi!
    Não conhecia a série, mas mesmo não sendo um gênero que gosto muito é a duração passar do meu costume, achei bem interessante. Vou procurar ver um ep dela pra ver se curto. :)

    ResponderExcluir
  15. Oie! Tudo bem?

    Guria amei a indicação, quando eu voltar a assinar a Netflix com certeza vou procurar essa série para assisti-la, ainda mais com um ator que gosto contracenando nela! Amo essas séries policiais, e essa parece ser muito boa!

    Bjss

    ResponderExcluir
  16. Série devidamente anotada aqui.

    Agora,"um tal de Stieg Larsson" foi o fim do futebol! Ahahahahahahahahahah... Larsson é, e sempre será, um mestre. Agora, please, não me desdenhe de Jo Nesbo, ok? (...risos...)

    Assim que tiver algumas impressões da série, volto a comentar.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Quando eu disse "um tal de Stieg Larsson", eu quis dizer justamente o oposto do que você entendeu. Mankell era o maior de todos, até Stieg presentear o mundo com sua trilogia. Inclusive, caso você não tenha reparado, minha foto de blogueira... é com um livro de Larsson. Do Nesbo eu tenho Sangue na Neve e lerei logo - e não, não desdenharei dele, por deixar :)

      Excluir
  17. Oi, não conhecia a série, mas já gostei da proposta. já vi outra série com este ator da primeira foto, e foi legal. Eu sou viciada em séries, amooo a netflix. Então amei a dica e já anotei.Haha. Mais uma para minha lista infinita.

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem?
    Estou cada vez mais me interessando por romances policiais, e não conhecia essa série, e fico feliz que que está disponível na Netflix, vou colocá-la na minha lista!
    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Olá Kamila,
    Não curto muito séries, mas essa me interessou por ser baseada em livros e ter esse tema extraordinário, que tanto adoro.
    Achei seu post muito interessante e gostei de saber que são poucos episódios, a única coisa que me preocupa são essas mudanças que as temporadas tem, apesar de imaginar que isso foi bem trabalhado pra você gostar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bem? O gênero é uma grande pedra no caminho, mas gostei do enredo. Caraca cara é uma máquina de escrever né? hahahaha Ótima dica!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oi.

    Nunca vi esta séria na Netflix. Faz um bom tempo que não procuro nada novo por lá. Estou tentando terminar todas as séries que estou acompanhando antes de iniciar novas. Ainda mais porque estou com a mania de rever algumas das minhas séries preferidas. Achei bem interessante o enredo deste, e vou procurar depois na Netflix e já colocar na minha lista. Assim que tiver mais tempo eu começo a ver esta.

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?

    Não sabia da existência desse seriado, nem sabia que existiam os livros (!). Gosto de narrativas policiais, mas elas funcionam mais para mim quando em movimento (no caso de filmes e seriados). Sou muito amante desse gênero em seriados, então, fiquei com bastante vontade de assistir! A sua contextualização, sobre o autor, as tratações do seriados e tudo mais ajudaram muito a me fazer adorar sua postagem, parabéns! Não conhecia o autor e fiquei triste por saber que ele já morreu, uma pena ele não ter tido a chance de assistir ao episódio final :/
    Parabéns pela resenha, arrasou muito! ^^

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. Oiii!

    Ainda não assisti a série, mas eu veria sim... Talvez sozinha pq meu namorado não acompanharia, certeza... Uma coisa é fato: a BBC é maravilhosa com as produções, não vi nenhuma que não tenha gostado ainda...
    Achei bacana não ser tão longa em numero de epsódios. Espero assistir em breve

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  24. Olá! Ainda não conhecia a série, mas adorei ver sua paixão pelos livros e episódios! Gosto de romances policiais, ainda mais quando desvendam detalhes da vida particular dos personagens, como o pai com alzheimer! Vou procurar saber mais para ler e assistir. Beijos.
    Karla Samira
    www.pacoteliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Oi Ka, tudo bem??

    Menina nunca vi essa série e olha que remexo bem a Netflix, mas também só procuro algo dentro de minha zona de conforto então... mas eu fiquei bem curiosa com essa série... gostei da forma como você falou e dos acontecimentos ainda mais a riqueza de detalhes referente ao local e a ambientação... Deixei a dica anotada. Xero!

    ResponderExcluir
  26. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia essa série e confesso que não costumo ver romances policiais e sou mais fã das produções coreanas mesmo, sabe? Mas eu achei bem interessante essa série que você apresentou e os episódios serem longos não iria me incomodar muito, pois estou acostumada com os doramas que possuem episódios de uma hora ou mais também.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  27. Oie, não conhecia a série, mais me interessei bastante dela por ser romance policial. Dica anotada
    bjs

    ResponderExcluir
  28. Olá, tudo bem?
    Achei a série bem interessante, principalmente pelo gênero, mas estou maratonando uma série enorme agora, e por isso irei passar a dica, por enquanto.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  29. Olá! Mais uma série que não conhecia, já vou adicionar na minha lista da netflix. Estou terminando de ver "Desventuras em série" acabando, vou conferir esse da sua dica. Valeu!

    ResponderExcluir
  30. Oiii.
    Ainda não assisti a essa série, mas já me interessei pela premissa, porque adoro tramas policiais. vou adicionar a lista quem sabe eu goste.
    Bks

    ResponderExcluir
  31. Oi Kamila, sua linda, tudo bem?
    Também adoro romances policiais e a BBC geralmente arrasa nas séries que produz. Eu não tenho NETFLIX, mas vou procurar se está passando em algum canal da tv por assinatura. Gostei muito da dica.
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  32. Oii, tudo bem?

    Eu sou aquela assinante da Netflix que nunca confere o que está lá, rs!
    Adoro séries policiais, provavelmente vou ver sim. Quanto ao elenco, é bem normal que vários saiam ou sejam substituídos.

    Beijos

    ResponderExcluir

Olá!!

Fortaleça este humilde blog, deixe seu comentário e seu link para eu retribuir sua visita!

Se quiser, entre em contato através do email resenhaeoutrascoisas@gmail.com :)